Acesse as melhores dicas
e informações do mercado
construcao Mercado - Postada em: 26/03/2020

INCC-M sobe 0,38% em março

Custo da construção foi puxado por aceleração mensal referente à mão de obra

 

Usado para medir o custo da construção e utilizado para reajustar contratos de compra e venda de imóveis, o INCC-M (Índice Nacional de Custo da Construção do Mercado) apresentou em março um salto de 0,38% sobre o mês anterior, desempenho parecido com o registrado em fevereiro (+0,35%). Os dados são do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre-FGV).

Com o resultado, o indicador acumulou em 12 meses uma elevação de 4,34%, enquanto que no primeiro trimestre do ano o incremento foi de 0,99%.

O componente relativo a materiais, equipamentos e serviços contabilizou uma desaceleração, arrefecendo de +0,71% em fevereiro para +0,35% em março. Por sua vez, o índice referente à mão de obra avançou de +0,04% para 0,40%, na mesma base comparativa.

Entre as sete capitais monitoradas pelo indicador, três apresentaram aceleração no INCC-M (Salvador, Rio de Janeiro e Porto Alegre). Já em Brasília, Belo Horizonte, Recife e São Paulo, o indicador ficou menor em relação a fevereiro.

 

Informações: www.fgv.br