Acesse as melhores dicas
e informações do mercado
mercado1 Mercado - Postada em: 21/09/2017

Metade dos bairros mantém preço de imóveis à venda estável em SP

No caso do aluguel, valor ficou levemente mais acessível em agosto

 

Levantamento baseado nos anúncios disponíveis em seu portal no mês de agosto de 2017, o Imovelweb, um dos maiores portais do mercado imobiliário do Brasil, avaliou o valor do m²para venda, locação e rentabilidade de imóveis usados na cidade de São Paulo.

O relatório identificou que o preço de 50% dos imóveis residenciais de 65m² e 1 vaga de garagem se manteve estável no último mês, em torno de R$ 6 mil/m², o metro quadrado. Em termos reais, contemplando a inflação, a queda foi de 2,7% nos últimos 12 meses. Ibirapuera e Vila Nova Conceição, mais uma vez se destacam com os preços mais elevados da capital paulista, R$ 19.066/m² e R$ 16.751/m², respectivamente. E a região Centro-Sul da cidade, onde a Vila Nova Conceição, está localizada, por exemplo, foi a que apresentou a maior variação de preço no último ano, 1,4%.

“Nesse segundo semestre, já começamos a perceber uma leve retomada do mercado imobiliário brasileiro e a estabilidade dos preços de venda é um dos sinais. A expectativa é que até o final do ano o setor esteja ainda mais aquecido”, destaca Mateo Cuadras, CEO do Imovelweb.

Para quem está em busca de um imóvel para alugar, o estudo mostra que o valor de locação na cidade teve uma leve queda de 0,5% no mês de agosto. Já ao longo de 2017, os preços dos aluguéis acumularam uma alta de 3%, acima da inflação do mesmo período. Atualmente, o aluguel de um apartamento de 65m² e 1 vaga de garagem gira em torno de R$ 1,7 mil por mês. A região Centro-Sul (R$ 2.342), seguida pelo Centro (R$ 2.309) e Oeste (R$ 2.294) foram as que registraram os maiores valores para locação. Neste quesito, os bairros mais caros da capital são Itaim Bibi (RS 4.314) e Cidade das Monções (R$ 4.309). Saúde foi o bairro com maior variação anual, 9%.

E para aqueles que querem aproveitar a grande oferta de imóveis disponível no mercado e o bom momento para negociar preço, a rentabilidade em agosto na cidade foi de 5,1%. Para recuperar o investimento de compra são necessários 18,7 anos de aluguel. As regiões Sul (6,3%), Centro (5,7%) e Centro-Sul (5,5%) apresentaram os melhores retornos anuais.

Informações: www.imovelweb.com.br

Foto por Luciano Emiliano