Acesse as melhores dicas
e informações do mercado
estate agent giving house keys to woman and sign agreement in office Mercado - Postada em: 07/04/2020

Para 45% das pessoas, a locação de um novo imóvel será adiada por no máximo 3 meses, aponta pesquisa

Um levantamento exclusivo do Grupo ZAP, responsável pelos portais imobiliários ZAP e Viva Real, sobre o mercado imobiliário e os efeitos do coronavírus no setor, revela que para 45% das pessoas, a busca por um novo imóvel para locação será adiada em no máximo 3 meses. O levantamento foi feito com mais de 3.500 pessoas das regiões metropolitanas de todo o país.

Os dados do relatório “A influência do Coronavírus no mercado imobiliário brasileiro” ainda mostram que, para 26% dos respondentes que vão postergar o aluguel do imóvel, o prazo será ainda maior: de 4 a 5 meses, seguido de 6 a 8 meses (17%), mais de 8 meses (12%).

O estudo também revela a expectativa dos consumidores sobre os preços de locação, considerando os efeitos do Coronavírus no mercado imobiliário. Para 45% dos entrevistados, os preços devem “diminuir um pouco” nesse período, enquanto 19% acreditam que vão”diminuir muito”. No entanto, 22% acreditam que os preços permanecerão iguais e 15% acreditam que os preços podem até aumentar durante a pandemia.

“O mercado de locação residencial deve sentir a crise de forma menos acentuada por ser mais dinâmico quando comparado com o de compra e venda. Isso pode ser visto na pesquisa, uma vez que quase metade dos consumidores revelam que a transação será adiada por um período de até 3 meses. Disponibilizar mais alternativas que facilitem a continuação da negociação, sejam elas fotos melhores dos imóveis ou assinatura digital de contratos, serão importantes nesse momento para fazer o mercado continuar funcionando”, explica Deborah Seabra, economista do Grupo ZAP.

Os consumidores sugeriram ainda medidas que poderiam ser adotadas por imobiliárias e corretores neste período, visando facilitar a experiência de busca por um imóvel para locação Dentre as mais votadas estavam “colocar o endereço completo do imóvel para que seja possível ver a vizinhança do imóvel online” (57%), “transmitir visitas em imóveis via ferramentas de vídeo, para que não precise sair de casa e ter contato físico com o corretor” (40%), “disponibilizar a opção de tour 360° do imóvel” (36%), “colocar mais opções de imóveis nos portais e sites imobiliários” (28%) e “disponibilizar fotos profissionais do imóvel” (28%).

Sobre o Grupo ZAP

O Grupo ZAP nasceu da fusão dos portais ZAP e Viva Real – líderes nacionais do mercado imobiliário. A nova empresa é muito mais que classificados de imóveis. Ela oferece uma solução completa para todo o segmento de imóveis, por meio de suas ofertas de produtos, inteligência de dados, serviços e informações de credibilidade que geram ganhos e decisões mais precisas para quem está envolvido no processo.

Mensalmente, o grupo gera 4 milhões de contatos de interessados para 7 milhões de anúncios de imóveis e recebe 40 milhões de visitas, a maior audiência qualificada do mercado.

Texto por Agência com edição

Imagem Destacada via iStock por Natee Meepian