Acesse as melhores dicas
e informações do mercado
CoDesign coworking Offices - Postada em: 20/06/2018

Por que vale a pena trocar o home office pelo coworking

* Bruna Lofego

 

Porque escolher um coworking ao invés de trabalhar dentro de casa? Apesar de ser um modelo de negócio novo no Brasil, o escritório compartilhado é uma excelente opção. A principal vantagem desse tipo de espaço, além da redução de custos, é que os “coworkers” dividem o mesmo ambiente com profissionais de diversos setores.

O crescente fenômeno dos coworkings – locais onde os indivíduos podem alugar uma mesa própria, enquanto compartilham as instalações com seus co-inquilinos – é uma alternativa para quem está iniciando em um ramo de atuação, ou para os pequenos empresários, que têm mais dificuldade para se manterem competitivos no setor.

A Small Business Labs, uma organização que monitora isso em todo o mundo, sugere que o número de pessoas que alugam espaços em coworkings crescerá globalmente de pouco menos de 1 milhão, em 2016, para quase 4 milhões em 2020.

É preciso pesar prós e contra antes de migrar para um escritório compartilhado, mas os coworkings trazem muitos benefícios. O maior deles é, sem dúvida, a possibilidade de networking. Por ser frequentado por profissionais das mais diversas áreas de atuação, o coworking propicia o fechamento de parcerias e negócios.

Mas as vantagens não param por aí, e listei algumas delas:

Maior produtividade

Embora um espaço de coworking custe uma mensalidade a cada mês, é projetado para tornar o trabalho mais produtivo. Um ambiente de espaço compartilhado proporciona aos empresários a liberdade de se movimentar, mas também lhes dá a oportunidade de ter maior controle sobre seu trabalho, usufruindo de toda a infra-estrutura do local, que muitas vezes faz com que o trabalho renda mais do que dentro de casa.

Em um escritório doméstico, muitos empreendedores têm sua atenção desviada por diversos fatores: crianças, pets, afazeres domésticos, etc. No espaço de coworking, você está lá para trabalhar, e há muito menos distrações, fazendo com que o profissional se mantenha concentrado..

Rede de contatos

Ao dividir o escritório com diversas pessoas, com as mais diferentes ocupações, é possível obter bons conselhos e novos insights para o seu negócio, mesmo que sejam profissionais de outras áreas. Os contatos abrem portas para as possibilidades e agregam um valor inestimável ao negócio. O coworking um espaço compartilhado e aberto ao colaborativismo, por isso, muitas empresas sentem-se apoiadas quando conseguem trocar experiências, ou até mesmo compartilhar alguns clientes.

Alocar equipe

O sonho de todo empreendedor é que seu negócio cresça. E ao crescer, torna-se necessário contratar ou ampliar a equipe de trabalho, mas é inviável fazer isso dentro de casa. Optando por um coworking, o empreendedor que atua sozinho de início já terá toda a infra-estrutura para alocar uma equipe, conforme contratar colaboradores. Isso facilita a vida, pois não é preciso buscar um espaço de última hora.

Estímulo à criatividade

Às vezes uma mudança de cenário é necessária para revigorar e quebrar a rotina. É muito difícil ter uma vida sempre igual e gerar novas ideias ao mesmo tempo.  Buscar novas referências, conhecer pessoas novas, trabalhar em lugares diferentes são fatores que estimulam a criatividade. Trabalhar o tempo todo de casa leva à mesmice.

Bruna Lofego, especialista e criadora do método “Como montar um Coworking de Sucesso”, atraindo empreendedores e investidores de todo o Brasil interessados em abrir um espaço compartilhado.. Considerada como uma especialista no segmento, atualmente é CEO e Founder da CWK Coworking, que conta com cinco espaços, localizados em Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro.

 

Informações: http://brunalofego.com.br e http://cwk.com.br